Amenorreia - Apostilas -  Ginecologia_Parte1, Notas de estudo de . Faculdade Medicina Estadual (ISEP)
Pipoqueiro
Pipoqueiro11 de Março de 2013

Amenorreia - Apostilas - Ginecologia_Parte1, Notas de estudo de . Faculdade Medicina Estadual (ISEP)

PDF (508.4 KB)
8 páginas
497Número de visitas
Descrição
Apostilas de Ginecologia sobre o estudo da amenorreia, definição, classificação, fisiológica, patológica, divisão.
20pontos
Pontos de download necessários para baixar
este documento
baixar o documento
Pré-visualização3 páginas / 8
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Pré-visualização finalizada
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Pré-visualização finalizada
Consulte e baixe o documento completo
Slide 1

Amenorréia Definição

Classificação: - Primária - Ausência de menstruação espontânea

prévia. . 14 anos – ausência de desenvolvimento de

caracteres sexuais secundários ( mamas, pêlos e estirão de desenvolvimento ) ou,

. 16 anos - com desenvolvimento sexual normal. - Secundária - Ausência de menstruação por 6 meses

ou por um período equivalente a 3 ciclos habituais, em mulher que previamente menstruava.

Menarca – ocorrência da 1º menstruação.

Fisiológica : - infância, gestação, puerpério, lactação, menopausa, pós-histerectomia, uso de drogas, etc...

Patológica : - representam distúrbios do sistema neuroendócrino reprodutor ou do sistema canalicular que origina e exterioriza a menstruação ( atraso de desenvolvimento puberal, pseudo-hermafroditismo, sinéquias uterinas, entre outras.... )

Eixo Hipotálamo-Hipófise-Ovariano

Hipotálamo GnRH

Hipófise LH / FSH

Ovários Estrogênio / Progesterona

Útero

COMPARTIMENTOS:

1. Hipotálamo e o Sistema Nervoso Central controle primário do ciclo menstrual - produção de GNRH (influência endógena e exógena).

2. Hipófise anterior - resposta ao hormônio liberador de gonadotrofina hipotalâmico (GnRH) - secreta os hormônios folículo- estimulante (FSH) e luteinizante (LH)

3. Ovários - secretam estrogênio e progestágenos, em resposta às gonadotrofinas

4. Útero ou vagina - endométrio responsivo e condições de exteriorização do fluxo menstrual

 As amenorréias podem ser divididas em:

1. Hipotalâmicas 2. Hipofisárias 3. Gonadais 4. Uterovaginais

Amenorréia Hipotalâmicas

 Deficiência da secreção pulsátil de GNRH

- Causas: 1. Psicogênica - emocional, distúrbios alimentares

(anorexia nervosa/bulimia), pseudociese, exercício físico.

2. Neurogênica - Síndrome de Kallmann (anosmia). 3. Iatrogênica - Anticoncepcionais hormonais

(amenorréia pós-pilula), hormônios em altas doses, uso de drogas (reserpina, clorpromazina), etc....

Síndrome de Kallmann

As características clínicas são: amenorreia primária, desenvolvimento moderado das mamas, imaturidade sexual, níveis abaixo do normal de gonadotrofinas, cariótipo feminino normal e anosmia.

Amenorréia Hipofisária

- Causas:

1. Tumores:  Adenoma hipofisário (prolactinoma) -

macro ou micro (< 1 cm)  Secretor (PRL (hiperprolactinemia), TSH,

ACTH(dç de Cushing), GH(acromegalia) 1. Síndrome de Sheehan (necrose pituitária pós-parto,

devido à perda de sangue e/ou choque hipovolêmico durante ou depois do parto).

2. Síndrome da sela vazia (defeito congênito) 3. Processos inflamatórios

comentários (0)
Até o momento nenhum comentário
Seja o primeiro a comentar!
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Docsity is not optimized for the browser you're using. In order to have a better experience we suggest you to use Internet Explorer 9+, Chrome, Firefox or Safari! Download Google Chrome