Bacterias - Apostilas - Biologia, Notas de estudo de Biologia
Saloete
Saloete17 de Julho de 2013

Bacterias - Apostilas - Biologia, Notas de estudo de Biologia

PDF (84.4 KB)
6 páginas
632Número de visitas
Descrição
Apostilas de Biologia sobre o estudo das Bacterias, Passagem do ciclo lisogênico para ciclo lítico, Condições de sobrevivência e de reprodução, Classificação das bactérias, Características.
20pontos
Pontos de download necessários para baixar
este documento
baixar o documento
Pré-visualização3 páginas / 6
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Pré-visualização finalizada
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Pré-visualização finalizada
Consulte e baixe o documento completo

BACTÉRIAS Botânica

Vírus é um pacote de ácido nucléico de DNA ou RNA, em que se envolve pelo capsídeo formado por capsômeros onde ele só tem características de ser vivo quando invade uma célula onde é capaz de se reproduzir em larga escala fora da célula ele é apenas inerte capaz de se cristalizar.

Bacteriófago

Ciclo Lítico: é o ciclo em que o vírus se aclopa a célula, onde seu ácido nucléico cai na bactéria e envolve o ácido nucléico dela obrigando-a a reproduzir mais partes do vírus depois ocorre à montagem e se multiplicam e arrebentam com a bactéria matando-a, esse vírus se chama virulento.

Ciclo Lisogênico: é o ciclo em que o vírus se aclopa a célula, onde seu ácido nucléico cai na bactéria e se une com o ácido nucléico dela e reproduz mais bactérias com vírus e não destrói a célula, esse vírus chama não-virulento.

Indução é a passagem do ciclo lisogênico para ciclo lítico.

As importâncias dos estudos do vírus são:

controlam populações de bactéria; causam doenças em plantas, animais e seres humanos; são usados em terapia gênica e na engenharia genética. CAFÉ CON PORRADA SARAH GRIPHE DE VACA

CA – CAXUMBA F- FEBRE AMARELA E- EBOLA COM- CONDILOMA PO- POLIOMELITE R- RUBÉOLA R- RAIVA D- DENGUE A- AIDS SARA – SARAMPO H- HERPES GRIP- GRIPES E RESFRIADOS H- HEPATITE E- ENCEFALITES VIRAIS DE- DOENÇA CITOMEGALICA VA- VARIOLA C- CATAPORA A- AFTOSA

As bactérias são unicelulares e procariontes, algumas são patogênicas e causam bacterioses, podem ser autótrofas ou heterótrofas, ajudam na decomposição, produz vitaminas, produz antibióticas naturais, produção de alimentos, engenharia genética.

Condições de sobrevivência e de reprodução

 Temperatura adequada de 20º C a 40º C  Umidade: pelo menos 50 %  Substâncias nutritivas

Classificação das bactérias

 Arqueo  Bactérias  Eucarya

Características

Arqueobactérias: ambientes inóspitos, aneoróbicas fermentativas, heterótrofas.

Eubactérias: sem parede celular (parasitas intracelular) – micoplamas- riquetzias – clamideas.

Heterótrofas – com cápsula gram – Sem cápsula gram +

Formato Cocos – bacilo - vibrião – espirilo

Citologia

Carboidratos: são compostos orgânicos que sua principal função é como fonte de energia e participa na formação dos ácidos nucléicos, é formado por carbono, oxigênio e hidrogênio. São divididos em três grandes grupos:

 Monossacarídeos: açúcares simples;  Oligossacarídeos: formados pela união de dois a dez monossacarídeos;  Polissacarídeos: formados pela união de muitos monossacarídeos.

Os principais polissacarídeos encontrados nos seres vivos são:

 Amido: fonte de energia vegetal;  Glicogênio: encontrado em animais e tem função de reserva;  Celulose: participa no esqueleto vegetal;  Quitina: encontrado na parede celular dos fungos e nos

exoesqueletos dos artrópodes.

Lipídeos: é a associação entre ácidos graxos e álcool tem como principal função reserva de nutrientes, e podem ser classificados em três grupos:

 Glicerídeos: óleos e gordura, mais importante fonte de energia entre os lipídeos;  Cerídeos: são as ceras que tem como função lubrificar e

proteger;  Esterídeos ou esteróides: um exemplo é o colesterol, participa da

composição química das membranas celulares dos animais, o colesterol pode ser nocivo a saúde em grande quantidade, pois pode se acumular nas paredes dos vasos sanguíneos dificultando a passagem de sangue.

Critérios para a classificação dos animais:

1) Números de folhetos embrionários que pode ser diblástico ou triblástico; 2) Desenvolvimento a partir do blastóporo que pode ser protostômio

(1º a boca) ou deutorostômio (1º o ânus) 3) Presença de celoma que pode ser:  Acelomado: sem cavidade; sem peritônio;  Pseudocelomado: com cavidade; sem peritônio;  Celomado: com cavidade; com peritônio;

Os poríferos (esponjas) são animais aquáticos, fixos, sem órgãos e nem tecido nervoso, possui o corpo cheio de poros por onde se captura os alimentos e ósculo pelo qual sai à água.A reprodução pode ser assexuada por brotamento e sexuada que pode ser hermafrodita ou de sexos separados. São animais muito simples, são diblásticos e acelomados.

Fisiologia

Tecido cartilaginoso:

 Substância intracelular amorfa;  Maior quantidade fibras colágenas e elásticas;  Sem vasos sanguíneos;

Suas funções são:

 Elasticidade;  Sustentação;  Resistência à tensão;

Tipos:

Hialino: fibras colágenas em quantidade moderada, encontrada no nariz, extremidades ósseas.

auditivo. Fibrosa: fibras colágenas em grande quantidade, encontrada nos tendões

que se fixam aos ossos.

Tecido ósseo:  Substância intracelular amorfa;  Grande quantidade de fibras

colágenas;  Possui vasos sanguíneos; Funções:  Sustentação e proteção;

Encontra-se nas extremidades dos ossos.

Células:

Osteoblastos: produzem substância intercelular; Osteócitos: encontra-se nas lacunas denominadas de osteoplastos. Osteoclastos: células gigantes que realizam reabsorção.

Saúde

Saúde é o completo bem estar físico, social e mental.

Doença: qualquer alteração morfológica ou funcional de tecidos ou órgãos causados por agentes físicos, químicos, biológicos.

Doenças podem ser:

 Epidêmicas: são aquelas que ultrapassam os números de casos esperados.  Endêmicas: doença que inside sobre a população de forma constante.

 Pandêmicas: são doenças que atingem continentes inteiros.

Indicadores de saúde:

 Mortalidade infantil  Expectativa de vida  Condições de habitação  Condições de saneamento básico e educação sanitária.

Origem da Vida

Teoria dos coacervados: é a teoria da evolução gradual dos sistemas

bioquímicos. Evolução: é quando uma espécie sobre uma pressão ambiental, onde a espécie se adapta ao meio conseguindo assim uma variabilidade genética, se reproduzindo, perpetuanto e evoluindo.

Potencial biótico: é capacidade da espécie responder as pressões ambientais em

função de sua variabilidade genética. Provas de evidências evolutivas:

Paleontologia: estudo dos fósseis. Embriologia: comparação de

desenvolvimento embrionário dos seres vivos para estabelecer grau de

parentesco.

Ecogeografia: é o estudo da distribuição geográfica dos seres vivos no planeta.

comentários (0)
Até o momento nenhum comentário
Seja o primeiro a comentar!
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Docsity is not optimized for the browser you're using. In order to have a better experience we suggest you to use Internet Explorer 9+, Chrome, Firefox or Safari! Download Google Chrome