Documentoscopia forense - Apostilas - Direito, Notas de estudo de . Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO)
verde_amarelo
verde_amarelo4 de Março de 2013

Documentoscopia forense - Apostilas - Direito, Notas de estudo de . Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO)

PDF (276.6 KB)
10 páginas
4Números de download
1000+Número de visitas
Descrição
Apostilas de direito sobre o estudo da documentoscopia forense, instruções para verificação de cédulas de dólares suspeitas, características de segurança.
20pontos
Pontos de download necessários para baixar
este documento
baixar o documento
Pré-visualização3 páginas / 10
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Pré-visualização finalizada
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Pré-visualização finalizada
Consulte e baixe o documento completo

DOCUMENTOSCOPIA FORENSE

Cuiabá – Mato Grosso 2007

docsity.com

DOCUMENTOSCOPIA FORENSE

Trabalho apresentado ao curso de Pós Graduação referente ao módulo de Documentoscopia Forense

Cuiabá – Mato Grosso 2007

docsity.com

DISCIPLINA: Documentoscopia Forense

docsity.com

INTRODUÇÃO

A Documentoscopia forense é a ciência que estuda analisa e identifica os diversos tipos de falsificações e adulterações em documentos, moedas, selos, cartões de credito, cheques, contratos, procurações, certidões de nascimento, óbito etc... Ela se divide em vários segmentos: § § § § § § § § § Grafotecnia Mecanografia Alterações Documentais Exames em Moedas metálicas Exame em selos Exame em papel moeda Exame em papéis Exame em tintas Exame em instrumentos escreventes

QUESITAÇÃO

1º) Após a devida análise, confronte o padrão monetário real com dólar e faça as devidas considerações. Resposta: A moeda brasileira, o real, tem em sua estrutura vários elementos de segurança, são eles: a Marca d'água; o Talho doce; a Imagem latente (Fantasma); o Guilhochê; as Micro impressões ou Microtexto; o Registro Anverso/Reverso; o Fio magnético; as Fibras luminescentes; as Fibras coloridas; Faixa holográfica e Registro coincidente.

docsity.com

As cédulas de real oferecem a vantagem de serem impressas em várias cores, isso faz com que o falsificador tenha que desdobrar as matrizes, provocando assim a possibilidade de erro em seu uso. Por ser o papel usado na confecção do real da cor branca qualquer erro evidencia-se logo. A cédula de dólar é impressa com tinta verde, em sua maior parte no anverso e reverso, utilizando papel de mesma coloração, de tom mais claro, por isso falhas de reprodução ficam de certa forma, mascaradas. Nas duas faces do dólar toda a superfície é impressa, sobrando poucos espaços em branco. Por isso os defeitos da impressão apócrifa se perdem no meio dos outros motivos. A cédula de dólar tem três índices de segurança: nas cédulas postas em circulação até 1989 os Filetes azuis e vermelhos, e nas emitidas a partir de 1990 acrescentou-se o Filete de cor verde. Nestas últimas introduziu um Filete plástico contendo a sigla USA (United States of America), seguida do valor numérico da cédula repetidamente. Este Filete só pode ser visto por transparência.

INSTRUÇÕES PARA VERIFICAÇÃO DE CÉDULAS DE DÓLARES SUSPEITAS

Valem para todas as cédulas, em linhas gerais, mas os modelos emitidos a partir de 1996 e as cédulas de maior valor têm diferenças de diagramação e características adicionais, como fita de proteção, marca d'água e microdizeres, destinados a dificultar a falsificação.

docsity.com

NOVAS CARACTERÍSTICAS DE SEGURANÇA RELATIVAS ÀS NOTAS NORTE AMERICANAS (DÓLARES)

Marca de Água: A marca de água é formada por variações da densidade do papel em uma pequena área durante o processo de fabricação do papel. A imagem é visível na forma de áreas mais claras e mais escuras quando colocada contra a luz. Em função do fato que a marca de água não consegue ser reproduzida usando copiadoras coloridas ou scanners, esta rende difícil utilizar papel de notas de valores menores para imprimir notas falsas de valor maior, por isso é uma boa maneira para identificar as notas verdadeiras. A marca de água traz a mesma figura histórica do retrato imprimido na face da nota.

Tintas que mudam de cores: Estas tintas, utilizadas para o numero na parte em baixo a direita da face da nota, mudam de cor quando a nota for olhada por ângulos diferentes. A tinta aparece como verde quando olhada diretamente e muda para preto quando a nota for inclinada.

Desenhos impressos com linhas finas: Este tipo de estrutura de linhas aparece normal aos olhos humanos, mas é muito difícil de ser apropriadamente copiado com os atuais equipamentos de copia e escaneamento. Estas linhas são encontradas atrás do retrato na face da nota e ao redor do desenho histórico no verso.

Retratos aumentados e descentrados: O retrato de maior tamanho pode incorporar mais detalhes, fazendo com que seja mais fácil de reconhecer e mais difícil de falsificar. Também fornece uma maneira simples para o publico reconhecer o novo modelo de nota do antigo. O retrato é descentrado para

docsity.com

deixar espaço para uma marca de água e para deixar "corredores" exclusivos para banda de segurança nas respectivas denominações. A imagem maior também facilita o reconhecimento da nota por quem tem problemas de visão.

Característica para baixa visão: As notas de $20 e $50 a partir das séries de 1996, e as notas de $5 e $10 a partir das séries de 1999 tem um número grande e escuro num fundo claro no canto em baixo a direita do verso da nota. Este número, que representa a denominação da nota, ajuda as pessoas com problemas de visão a reconhecer a nota. Foi também introduzido um sistema legível a maquina para ajudar os não videntes. Este sistema facilitará o desenvolvimento de apropriados sistema de escaneamento que poderão identificar automaticamente a denominação da nota. Para que se obtenham lançamentos idênticos aos verdadeiros é necessário que, aquele que pretende fazer as falsificações analise diversos fatores como: qual a dificuldade que poderá ser encontrada na tentativa de se falsificar o valor pretendido, como irá por em circulação tais notas de dinheiro falso e que pistas a falsificação e a distribuição das mesmas deixará?

2º) Em relação aos processos de impressão, qual é considerado o mais seguro e por quê? Resposta: O processo de impressão mais seguro é a Calcografia que é uma impressão direta, assim como a impressão tipográfica; as chapas impressoras apresentam os textos e as figuras em relevo e no sentido inverso de leitura; obtendo um impresso em alto relevo com alta definição dos detalhes. É considerado o melhor elemento de segurança empregado na produção dos impressos de valores, devido a necessidade da utilização de papéis, tintas, matrizes e equipamentos (impressora) específicos. A técnica de impressão é obtida no ato de sua deposição sobre o papel, sob pressão direta de 40t/cm² a uma temperatura de 140 ºC, e a impressão continua úmida no seu interior. A Calcografia oferece relevo ao tato. Com eles são impressos, no anverso e verso da cédula, próxima à inscrição do valor literal da cédula, representadas

docsity.com

pelas letras maiúsculas BC e, ainda, as micro letras BCBCBCBC, dentro do contorno aos algarismos referentes ao valor da cédula. 3º) Por que um falsificador nunca conseguirá reproduzir um lançamento autêntico perfeito? Resposta: Na escrita, os idiografocinetismos inconspícuos não são notados por quem comete a falsificação. Este, devido a repetição do lançamento, acaba introduzindo no lançamento os próprios hábitos. Além de os caracteres, num todo, ora se assemelharem ora revelarem falhas evidentes. Não há velocidade, ritmo e dinamismo correspondente ao lançamento ao qual quer se falsificar. Os aspectos peculiares a cada pessoa

(idiografocinetismos) não se assemelham ao lançamento autêntico. Nos idiografocinetismos, geralmente, não ocorrem indecisões, levantamentos ou paradas do instrumento com o qual se escreve. Para que a falsificação seja difícil de perceber, o falsário necessita ter habilidade gráfica igual ou superior a quem produz aquele padrão de escrita. E com relação à produção de moeda, a máquina utilizada para um lançamento autêntico é de exclusividade da Casa da Moeda. Com base em tudo o que foi descrito, sempre ocorrerá um falha por parte daquele que produz uma falsificação, por isso nunca a imitação ou cópia será perfeita.

4º) Nos casos de detecção de falsificação; qual a importância de se analisar os elementos gerais da escrita (velocidade, pressão, ritmo e grau de habilidade)? Resposta: É importante analisar tais elementos porque não existem duas escritas, de punhos diferentes, que sejam iguais. Com isso, a análise da velocidade pode revelar se o escrito foi produzida lenta ou rapidamente, sendo que pode-se exemplificar que, em um caso de hesitação, o lançamento terá sido realizado de forma lenta. Algumas pessoas pressionam muito o objeto com o que se escreve, e isso pode, por vezes, levar o falsificador a não conseguir imitar tal característica. O ritmo da escrita pode ser verificado na observação do lançamento. E as qualidades grafotécnicas diferem-se das caligráficas por meio do grau de habilidade que o falsário possuiu.

docsity.com

BIBLIOGRAFIA · DOCUMENTOSCOPIA, AUTOR: LAMARTINE MENDES, EDITORA

MILLENNIUM

· http://www.geocities.com/capecanaveral/4274/dolar.htm · http://www.fraudes.org/showpage2.asp?pg=147

docsity.com

docsity.com

comentários (0)
Até o momento nenhum comentário
Seja o primeiro a comentar!
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Docsity is not optimized for the browser you're using. In order to have a better experience we suggest you to use Internet Explorer 9+, Chrome, Firefox or Safari! Download Google Chrome