Espectrometria de massas - Apostilas - Quimica, Notas de estudo de Química. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Maraca
Maraca1 de Março de 2013

Espectrometria de massas - Apostilas - Quimica, Notas de estudo de Química. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

PDF (77.8 KB)
1 página
1000+Número de visitas
Descrição
Apostilas sobre o estudo da aplicação da espectrometria de massas na área farmacêutica.
20pontos
Pontos de download necessários para baixar
este documento
baixar o documento
Pré-visualização1 página / 1

Trabalho de Análise Orgânica

Aplicação da Espectrometria de massas na área farmacêutica

2011

INTRODUÇÃO

Os antiinflamatórios não- esteróides (AINE) são os mais prescritos do mundo, porém seu uso é limitado devido aos seus efeitos indesejados, principalmente no trato gastrintestinal. ( O` Brien, W. M. Am. J. Med 1986), ( Germaro, A. R.; 1985). Alguns mecanismos são propostos para explicar a toxicidade digestiva do AINE. As lesões gastrintestinais apresentadas em animais de laboratório são conseqüência do contato direto do fármaco com a mucosa gástrica. (Fara, J. W.; Myrback, R. E.; 1990)( Liversigdge, G. G.; Conzentino, P; 1995).

A toxicidade do diclofenaco motivou a criação de várias formas farmacêuticas e sistemas dispersos com o objetivo de reduzir os efeitos colaterais, tais como sua formulação em micelas (Stor, M. J.; Flynn, M.J; 1987), lipossomas ( Weiner, A. L.;Cullis, P. R.; 1987), associação com prostaglandinas ( Frang, M.; Jans, M. ; Mathur, L. K.; Shah, K. B. Truelove 1991) associação com ciclodextrinas ( Nekroshus, E. S.; 1989), microcápsulas ( Hansan, M.; 1992) (Yang-Lin, S. ; 1991) e mais recentemente nanocápsulas e nanoesferas (Muller, C. R.; 1999) . A toxicidade gastrintestinal do diclofenaco após a nanoencapsulação e suspensão de nanoesferas diminuiu significativamente ( Guterres, S. S.; 1995) ( Guterres, S. S,; 2001).

Apesar dos excelentes resultados nos experimentos de tolerância digestiva do diclofenaco associado a nanocápsulas ( Guterres, S. S.; 2001) estudos de estabilidade de suspensões coloidais contendo tensoativos nanoestearato de sorbitano e Tween 80 ® e poli (ɛ- caprolactona) como polimero, demostram que o teor e diclofenaco diminuía em função do tempo de armazenamento( Muller, C.R.; 1999).

Utilizando a Cromatografia Liquida de Alta Eficiência observou-se uma diminuição significativa na quantidade de diclofenaco após 3 meses de fabricação.

Relatos na literatura têm apontado a degradação do diclofenaco tanto em solução aquosa como no estado sólido, decorrentes da ciclização indolnônica, de fotogegradação, de degradação térmica ou de oxidação ( Kubala, 1993) ( Poiger, T. 2001). Porém não há relatos de degradação desse fármaco quando associado à nanoparticulas poliméricas.

São feitas avaliações da influência da composição do sistema de tensoativos empregados para a formulação de produtos, com vista o aumento da estabilidade dos sistemas

docsity.com

comentários (0)
Até o momento nenhum comentário
Seja o primeiro a comentar!
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Docsity is not optimized for the browser you're using. In order to have a better experience we suggest you to use Internet Explorer 9+, Chrome, Firefox or Safari! Download Google Chrome