Patrimônio Líquido - Resumo - Economia, Notas de estudo de Economia. Universidade de São Paulo (USP)
Oscar_S
Oscar_S26 de Fevereiro de 2013

Patrimônio Líquido - Resumo - Economia, Notas de estudo de Economia. Universidade de São Paulo (USP)

PDF (185.7 KB)
6 páginas
2Números de download
1000+Número de visitas
Descrição
Resumo sobre o patrimônio líquido, introdução, contextualização, caso exemplo.
20pontos
Pontos de download necessários para baixar
este documento
baixar o documento
Pré-visualização3 páginas / 6
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Pré-visualização finalizada
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Pré-visualização finalizada
Consulte e baixe o documento completo

RESUMO

O Patrimônio Líquido inclui os itens mais importantes do balanço e da demonstração do resultado do exercício, portanto, é necessário que haja uma avaliação rigorosa do mesmo, através de procedimentos que estarão presentes neste trabalho, para a obtenção do valor que represente a empresa.

docsity.com

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO 5

CONTEXTUALIZAÇÃO 6

SITUAÇÃO DO PROBLEMA 6

PERGUNTA A SER RESPONDIDA 6

FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 7

AVALIAÇÃO DO PATRIMONIO LIQUIDO 7

CASO EXEMPLO 7

CONSIDERAÇÕES FINAIS 13

REFERÊNCIAS BIBLIOGRAFICAS 14

docsity.com

1. Introdução

1.1. Apresentação

O patrimônio líquido é formado por um grupo de contas que registra o valor contábil; representa a diferença entre o ativo, o passivo e o resultado de uma entidade, demonstrando quanto (em questão de valores) os acionistas ou sócios possuem no período. A demonstração do Patrimônio Líquido inclui os itens mais importantes do balanço e da demonstração do resultado do exercício. Sua forma de apresentação exige que a alteração no valor seja igual ao lucro menos os dividendos (líquido das contribuições para o aumento de capital). Tratamos essa relação como “relação de lucro limpo” pois, da forma como foi articulada, todas as alterações nos ativos e passivos que não estejam relacionadas com os dividendos devem passar pela demonstração de resultado do exercício. Considerando todos os bens e direitos da empresa e subtraindo tudo o que ela deve a terceiros, o saldo será de propriedade dos sócios. Em última instância, supondo a possibilidade de realização imediata de todos os ativos e de todos os passivos, deveria sobrar na conta bancária da empresa o Patrimônio Líquido, passível de ser distribuído integralmente aos sócios. A partir de 01.01.2008, conforme a lei 11.638/2007 das sociedades por ações, o Patrimônio Líquido é dividido em: Capital Social, Reservas de Capital, Ajustes de Avaliação Patrimonial, Reservas de Lucros, Ações em Tesouraria e Prejuízos Acumulados.

O Patrimônio Líquido pode ser simplesmente definido como a diferença, em determinado momento, entre o valor do ativo e do passivo. Devido ao fato de atribuir-se tanta ênfase à mensuração e à avaliação individual, o patrimônio merece um tratamento adequado, pois contém elementos que caracterizam: interesses residuais em casos de liquidação; interesses em participar da distribuição de dividendos; direitos de participação no Patrimônio Líquido de uma entidade em continuidade, no sentido de possível alienação de sua participação ou no aumento de tal participação.

Os vários modelos e métodos de avaliação de empresas podem ser utilizados em conjunto ou separadamente, porém, nenhum método isolado pode ser considerado o correto, inquestionável ou exato.

É importante frisar que a qualidade de uma avaliação é diretamente proporcional à qualidade dos dados, informações e do tempo despendido em compreender a empresa avaliada. Dessa

docsity.com

forma, o foco do analista deve estar concentrado no processo de avaliação em si e não em seu resultado final.

1.2. Contextualização

Há um crescente número de privatizações em processo no Brasil, fusões e aquisições em uma economia globalizada, o grande número de processos judiciais de cisão, dissolução parcial ou total de sociedades, além das enormes oscilações de preços das ações em bolsas de valores no Brasil e no mundo, principalmente, nas ações das empresas da nova economia, são razões que justificam a avaliação de empresas.

1.3. Situação do Problema

O processo de avaliação de uma empresa é complexo, envolvendo variáveis subjetivas e ferramental técnico, onde a qualidade das informações utilizadas é condição sine qua non para a eficiência do produto final. Assim sendo, antes de se determinar os métodos de avaliação que serão aplicados, é fundamental a elaboração preliminar de um diagnóstico preciso da empresa avaliada, o contexto macroeconômico no qual ela está inserida, seu setor de atuação, seu mercado consumidor, seu desempenho passado e atual, seus aspectos econômicos e financeiros, sociais, jurídicos, fiscais, comerciais, tecnológicos e técnicos. A profundidade dessas análises depende das peculiaridades de cada caso, do tamanho do negócio avaliado e da disponibilidade de informações.

1.4. Pergunta a ser respondida

Qual o melhor método para avaliação do Patrimônio Líquido?

docsity.com

Fundamentação Teórica

2.1. Avaliação do Patrimônio Líquido

Existe um vasto número de métodos para avaliar empresas, que oscilam de acordo com o propósito da avaliação, as características da empresa avaliada e confiabilidade das informações disponíveis. Segundo MARTINEZ (1999,3), “Na prática, usualmente, o avaliador utiliza-se de vários métodos e pondera seu resultado para o caso, chegando a um valor que represente a melhor estimativa possível do valor econômico da empresa.”

Já DAMONDARAN (1997,302) diz não existir um modelo considerado melhor, e que o modelo adequado para uso em um cenário específico dependerá de uma variedade de características da empresa que está sendo avaliada. E conclui: “A infeliz verdade é que o inverso é frequentemente verdadeiro. Tempo e recursos são gastos tentando fazer com que os ativos se encaixem em um modelo de avaliação pré-especificado, ou porque ele é considerado o melhor modelo, ou porque não se pondera o suficiente sobre a escolha do modelo.”

Ressalta-se que os métodos apresentados não são substitutos uns dos outros, mas, complementares entre si, pois cada um deles atende a determinados objetivos e análises, devendo o analista, sempre que possível, utilizá-los em conjunto e não isoladamente, como demonstra MARTINS (2001), ao afirmar que todos os métodos buscam evidenciar o mesmo objetivo (o patrimônio), através das mesmas mutações (os resultados), sendo a integração dos métodos absolutamente viável em teoria e na prática.

O método baseado nas demonstrações financeiras da empresa, ou seja, em seus números contábeis e, através dele, apura-se que o valor da empresa é o valor de seu próprio patrimônio líquido. É também chamado de valor patrimonial da empresa ou Book Value.

Entre os fatores que dificultam a utilização deste método, pode-se destacar:

- As demonstrações contábeis, normalmente, estão baseadas em custos históricos, não atribuindo aos ativos seus valores correntes;

- A contabilização de acordo com o princípio de competência, associada com os conceitos da realização de receitas e da confrontação de despesas, torna a contabilidade desbalanceada com relação a alguns direcionadores de valor como o conceito do valor do dinheiro no tempo e do risco associado;

- Existem várias operações que não são registradas nas demonstrações contábeis tradicionais, que entretanto, são muito relevantes para apuração do valor econômico de uma empresa, como operações de arrendamento mercantil, derivativos, garantias oferecidas, entre outras, além é claro, de grande parte dos chamados ativos intangíveis, em especial o Goodwill.

docsity.com

Apesar do avanço das técnicas contábeis, a contabilidade, registra suas transações por valores de entrada, e não valores de saída, porém, segundo MARTINS (2001,269), “O modelo de avaliação patrimonial contábil pode ser utilizado por empresas cujos ativos mensurados pelos princípios contábeis não divergem muito de seus valores de mercado e que não possuem um Goodwill significativo.” Assim, apesar de suas limitações descritas, a situação contábil de uma empresa e em conseqüência, seu valor patrimonial, é uma informação útil, como ponto de partida para a análise econômica e financeira da empresa.

docsity.com

comentários (0)
Até o momento nenhum comentário
Seja o primeiro a comentar!
Esta é apenas uma pré-visualização
Consulte e baixe o documento completo
Docsity is not optimized for the browser you're using. In order to have a better experience we suggest you to use Internet Explorer 9+, Chrome, Firefox or Safari! Download Google Chrome