Biologia Agrícola, Morfologia das plantas, Slides de Morfologia das Plantas. Universidade do Porto
jossias
jossias18 de julho de 2017

Biologia Agrícola, Morfologia das plantas, Slides de Morfologia das Plantas. Universidade do Porto

PPTX (5 MB)
25 páginas
1000+Número de visitas
Descrição
Biologia Agrícola, Morfologia das plantas, Engenharia Agricola e Ambiental
20 pontos
Pontos de download necessários para baixar
este documento
baixar o documento
Pré-visualização3 páginas / 25

Esta é apenas uma pré-visualização

3 shown on 25 pages

baixar o documento

Esta é apenas uma pré-visualização

3 shown on 25 pages

baixar o documento

Esta é apenas uma pré-visualização

3 shown on 25 pages

baixar o documento

Esta é apenas uma pré-visualização

3 shown on 25 pages

baixar o documento

UNIVERSIDADE ZAMBEZE FACULDADE DE ENGENHARIA AMBIENTAL E DOS RECURSOS NATURAIS

CURSO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA E AMBIENTAL TRABALHO DE BIOLOGIA AGRÍCOLA

Elementos do Grupo:

Domingos Cipriano Manuel Chutar

Jaime Reis Chachoma

Quisito José Jaime

Manecas Fernando José

Marlene Rosa Antonio Charles

Virgínia Manuel Ngano

PLANTAS

Tipos das plantas Tipos das folhas Tipos das Flores Tipos Dos Frutos Tipo de Caule Tipo de Raiz

Introdução As plantas são organismos que favorecem o bem estar do Homem, sabendo que elas são as que fazem o

processo da fotossíntese, na qual elas extraem a energia solar e convertida esta energia a partir das

plantas, na qual obtemos ela a partir dos frutos da planta.

Nem todos tipos de plantas da fruto, flor, folhas, visto que estão associadas 5 principais tipos das

mesmas, que são Algas pluricelulares, Briofitas, Piterdofitas,Gimnospermas e Angiosmermas.

Destas cada uma possui sua característica, as mesmas diferem –se na suas estruturas.

Objectivos: Geral: Estudar os tipos de Planta Especifico:  As Caracteristicas de cada tipo de planta;  Estrutura das plantas que possuem folha,flor e fruto.

PLANTAS

 Plantas são seres vivos que nascem,

crescem e morrem, possuindo a capacidade

de reproduzir-se ou seja de dar origem a

nova planta.

 Elas praticamente são vegetais, que

estabilizam a natureza em muitos processos

que ajudam o Homem assim como os

animais.

 Em destaque olhando para elas temos:

Tipos de Plantas

Encontramos 5 Tipos:

Algas pluricelulares

Briófitas

Pteridófitas

Angiospermas

Gimnospermas

Algas pluricelulares  As algas são encontradas em muitos lugares: nos

mares, nos rios, nas lagoas, sobre pedras, troncos de

árvores e outras superfícies muito úmidas.

 As algas não possuem tecidos e órgãos especializados,

ou seja: raiz, caule, folha e nem flor; seu corpo é um

talo.

 Podem também flutuar na água; neste caso, podem

possuir bolinhas como bóias e não as deixam afundar.

 Elas podem ter a forma de filamentos, lâminas ou

ramos. 

 são organismos fotossintetizantes

Constituentes Destacam:

Clorofíceas: são algas que possuem clorofila

conferindo a cor verde.

Rodofíceas: são algas que possuem além da clorofila

e outros pigmentos, a ficoeritrina (um pigmento

vermelho responsável por sua cor característica).

Feolíceas: são algas que possuem além da clorofila,

a fucoseantina (um pigmento marrom responsável

por sua coloração).

Briófitas  Incluem musgos, hepáticas e antóceras.

 São organismos eucariontes, pluricelulares, onde apenas os

elementos reprodutivos são unicelulares, enquadrando-se no

Reino Plantae, como todos os demais grupos de plantas

terrestres.

 elas são dependentes de água para sobreviver;

 As briófitas são características de ambientes terrestres

húmidos.

 As briófitas são plantas avasculares (em vasos condutores)

 de pequeno porte que possuem muitos e pequenos

cloroplastos em suas células.

Classificação   

Compreendem três divisões:

Bryophyta - engloba os musgos, as briófitas mais

conhecidas, notadas mais em florestas sombreadas.

Hepatophyta - estão às hepáticas, as briófitas mais

primitivas. São plantas de ambientes mais úmidos que

os musgos e não possuem porte ereto.

Anthocerophyta - também possuem talos e vivem em

ambientes semelhantes às hepáticas.

Pteridófitas  Da mesma maneira que as briófitas, as pteridófitas se

reproduzem num ciclo que apresenta uma fase sexuada e outra

assexuada

 São as primeiras plantas vasculares ou traqueófitas e os

primeiros vegetais a apresentarem vasos condutores de seiva.

 São criptógamas, pois não formam flores ou sementes.

 Possuem raiz, caule e folhas.

 As folhas produzem matéria orgânica através da fotossíntese.

 Algumas espécies vivem em água doce.

 Não existem representantes marinhos.

ESTRUTURA Raiz: geralmente adventícia (origina-se do caule) e

fasciculada. Apresenta floema e xilema.

Caule: geralmente subterrâneo, do tipo rizoina. As

vezes, ereto, podendo ou não apresentar ramificações.

Na estrutura interna, ocorre uma casca, revestida pela

epiderme e, centralmente, um cilindro vascular

Folhas: podem ser simples ou compostas, muitas

vezes penadas. As folhas novas estão enroladas sob a

forma de um báculo.

Classificação São classificadas em quatro divisões:

Pterophyta - ou filicíneas mais conhecidas são as

samambaias e as avencas, plantas terrestres de

regiões tropicais úmidas e sombreadas.

Lycophyta - os mais conhecidos são os licopódios,

plantas de pequeno porte de regiões temperadas.

Psilotophyta - é um pequeno grupo com plantas

muito simples e parecidas com as plantas vasculares

primitivas.

Sphenophyta - A divisão Sphenophyta é um grupo

muito pequeno e com características peculiares.

Folhas As mais destacadas são as samambaias

Angiospermas ANGIOS = VASO/URNA

SPERMA = SEMENTE

PRESENÇA DE FRUTOS

As angiospermas apresentam sementes protegidas por frutos.

Podem ser herbáceas (ervas), arbustivas (arbustos) ou

lenhosas (árvores).

Vivem, predominantemente, em terra, mas podem ser

encontradas em água doce

As angiospermas apresentam reprodução sexuada por

alternância de gerações e seu órgão de reprodução sexual é a

flor.

A Flor  É uma das características das angiospermas;

 A flor é um ramo de crescimento determinado, localizado

na porção terminal do caule, de um ramo caulinar ou

axilar.

 Uma flor completa possui três elementos:

pedúnculo – haste que sustenta a flor unindo-a ao caule;

receptáculo – porção dilatada do pedúnculo, onde se

insere os verticilos florais;

verticilos florais – que são cálice e corola (verticilos de

proteção) e androceu e gineceu (verticilos de reprodução).

Componentes da Flor

Cálice – conjunto de sépalas, folhas verdes

modificadas.

Corola – corresponde ao conjunto de pétalas,

folhas coloridas modificadas.

Androceu – órgão masculino da flor, formado por

unidades chamadas de estames

Gineceu – órgão feminino da flor, formado por um

ou mais carpelos.

Classificação As angiospermas são divididas em duas classes:

Monocotiledôneas e dicotiledôneas, que são caracterizadas de acordo com o número de cotilédones.

Monocotiledôn ea - trímera (3 elementos ou múltiplos)

Dicotiledôneas - dímera, tetrâmera ou pentâmera

Fruto das Angiospermas   Fruto geralmente é formado de pericarpo e semente.

 O pericarpo origina-se do ovário da flor, que se desenvolve

depois da fecundação, e apresenta três partes: epicarpo,

mesocarpo e endocarpo.

 Encontramos Frutos Carnosos e Frutos Secos

Tipos de Caule

HASTE: Verde, Delicado

TRONCO: Lenhoso e

capaz de maior sustencao

Tipos de Raizes

Raízes Tabulares

Raiz Fasciculada

Gimnospermas GIMNÓS = NU

SPERMA = SEMENTE

AUSÊNCIA DE FRUTOS

 Apresenta raiz, caule, folhas,sementes e vasos

condutores

 São plantas de sementes nuas, isto é, não alojadas

dentro de um fruto.

São vegetais terrestres de regiões temperadas e frias.

Os mais conhecidos são os pinheiros, os cedros, os

ciprestes e as sequóias.

Quanto a:  As raízes geralmente são do tipo axial ou

pivotante.

 Os caules pertencem ao tipo tronco, crescem

em espessura, por atividade dos meristemas

secundários: felogênio e câmbio. Ex: Estipes

e Colmos

 As folhas são reduzidas em forma de

escamas; são perenes e adaptadas a ambientes

secos (xerófilas). As características

xerofíticas dessas plantas são induzidas pelo

frio

Sementes e Folhas Das Gimnospermas

 As sementes são formadas na superfície dessas folhas.

Classificação Gimnospermas são classificadas em quatro divisões:

coniferophyta -as coníferas são as gimnospermas mais

conhecidas. São pinheiros, cipestres, cedros e sequóias,

vegetais de grande porte.

Ginkgophyta - uma árvore de grande porte com folhas em

forma de leque.

Cycadophyta - as espécies mais representativas são as cycas

sp. Caule forte e folhas semelhantes a palmeiras

gnetophyta - é composta de apenas três gêneros bem

diferentes entre si: ephedra, gnetum e welwitschia.

Conclusão  As Plantas estão divididas em 5 tipos, as Algas policelulares, Briofitas, Angiospermas,

Gimnospermas e Pteridófitas, as quais diferem na sua constituição ou sua estrutura, em

todos os tipos, por exemplo em angiospermas encontramos frutos e nas Gimnospermas

ausência de frutos;

As Algas são plantasque são mais encontradas no meio marinho ou seja nos mares, os

quais são caracterizados por possuírem um alto grão salinidade, o que favorece a

ambientação destas plantas;

As Gimnospermas são caracterizadas pela ausência de frutos, elas formam sementes, e

estão em destaque os pinheiros e outras, que são mais notadas em zonas frias;

As frutas que mais comemos são do tipo angiospermas, as quais fornecem – nos

energia, que é fornecida a partir do sol.

comentários (0)

Até o momento nenhum comentário

Seja o primeiro a comentar!

Esta é apenas uma pré-visualização

3 shown on 25 pages

baixar o documento