Resumo Gestão da Remuneração, Slides de Administração Empresarial
monica_mello_braga
monica_mello_braga18 de Julho de 2014

Resumo Gestão da Remuneração, Slides de Administração Empresarial

PPT (1 MB)
21 páginas
1Números de download
786Número de visitas
Descrição
Aulas dia_05_e_19.09.11 - Desvantagens da simplificação de cargos PREJUÍZO PARA A REDUÇÃO DE CUSTOS - Vantagens esperadas e resultados reais - Por onde anda o modelo clássico? Modelo humanístico ou de relações humanas - ...
20pontos
Pontos de download necessários para baixar
este documento
baixar o documento
Pré-visualização3 páginas / 21
Esta é apenas uma pré-visualização
3 shown on 21 pages
baixar o documento
Esta é apenas uma pré-visualização
3 shown on 21 pages
baixar o documento
Esta é apenas uma pré-visualização
3 shown on 21 pages
baixar o documento
Esta é apenas uma pré-visualização
3 shown on 21 pages
baixar o documento
Gestão da Remuneração

Gestão da Remuneração

[email protected] Fernando Paixão

Desvantagens da simplificação de cargos PREJUÍZO PARA A REDUÇÃO DE CUSTOS!!!!!!

1. Monotonia, apatia, fadiga, desinteresse e perda do significado do trabalho

2. Ressentimento, redução do moral e resistência ativa dos operários

3. Maior rotatividade, absenteísmo e precária dedicação das pessoas

4. Trabalho individualizado e isolado – confinamento social – fisicamente juntas, mas socialmente distantes.

5. Comunicação diática: relação de cada ocupante com seu supervisor através do terminal de comunicação de seu cargo com ele – contato com outros formal

6. A organização controla, fiscaliza e monitora

Vantagens esperadas e resultados reais Vantagens esperadas Resultados reais Tarefas aprendidas rapidamente – pouco treinamento

Elevada rotatividade pesa mais que as economias no custo de treinamento

Pessoas pouco habilitadas, fáceis de selecionar e baixos salários

Elevados índices de absenteísmo – trabalhadores extras – eleva os custos laborais

Intercâmbio devido as poucas habilidades e à facilidade de treinamento

Salários maiores para aceitação dos cargos de cunho repetitivo da linha de montagem

Fadiga mínima – mecanização Problemas de qualidade e de produtividade – falta de compromisso

Padronização facilita o controle de qualidade – erro minimizado

Rotatividade eleva os custos de recrutamento e seleção

Mecanização – produção previsível e planejável

Comportamento torna a produção imprevisível

Gerência controla os trabalhadores através da simples observação

Problemas de supervisão aumentam a distância entre trabalhador e gerência

Por onde anda o modelo clássico?  Está preso ao passado.  Abordagem ultrapassada e obsoleta.

Modelo humanístico ou de relações humanas  1930 – Teoria das Relações Humanas  Foca o desenho do cargo e as condições sociais do

desempenho. O ocupante recebe atenção.

Engenharia industrial Ciências sociais Organização formal Organização informal chefia Liderança Comando Persuasão Incentivo salarial Recompensas sociais Fadiga fisiológica Fadiga psicológica Comportamento do indivíduo

Comportamento do grupo

Organograma Sociograma Homem econômico Homem social

Modelo Clássico x Modelo Humanista Modelo Clássico Modelo Humanista Ênfase na tarefa Ênfase nas pessoas e no grupo

social Homo economicus Conceito de homo social Recompesas salarias e materiais Recompensas sociais e simbólicas Maior eficiência graças ao método de trabalho

Maior eficiência graças à satisfação das pessoas

Preocupação com o conteúdo do cargo

Preocupação com o contexto do cargo

Gerente no comando Gerente na liderança Ordens e imposições Comunicação e informação Obediência estrita Participação nas decisões

Modelo Contingencial  Diferenças individuais das pessoas x tarefas envolvidas  Decorre e depende da adequação do desenho de cargo

Estrutura da organização

Tarefa Pessoa

Podemos mudar os cargos?

DEVEMOS.

Por que? Concorrência Mutabilidade dos negócios Novas funções Mais atribuições

Como? Melhoria contínua na aplicação dos talentos criativos e da capacidade de autodireção e autocontrole Objetivos planejados entre ocupantes e gerentes

Como provocar a mudança nos resultados?  Quando a pessoa encara seu trabalho como

significativo ou de valor  Quando a pessoa se sente responsável pelos

resultados do trabalho  Quando a pessoa conhece os resultados que

obtém fazendo o trabalho

Como surge o modelo contingencial?  Cada cargo deve ser desenhado no sentido de

reunir cinco dimensões: 1.Variedade 2.Autonomia 3.Significado da tarefa 4. Identidade com a tarefa 5.Retroação

As cinco dimensões essenciais no desenho contingencial de cargos

Baixo grau Alto grau

Trabalho parcial, sequencial, rotineiro, chato, monótono e repetitivo. As operações, equipamentos e habilidades são sempre os mesmos, sem nenhuma, variação, ou inovação. Rotina.

Variedade Trabalho variado com operações diferentes, equipamentos e habilidades variados. Diversidade e desafio em que a pessoa executa várias atividades diferentes, criativas e inovadoras. Variação.

Trabalho rigidamente programado, com local e equipamentos definitivos e métodos preestabelecidos. O chefe determina o que, quando, onde e como fazer.

Autonomia Ampla liberdade para planejar e programar o trabalho, escolher o equipamento, local e método de trabalho. O ocupante programa seu trabalho, escolhe local, método e equipamento.

Desconhecimento do impacto e das interdependências da tarefa sobre as outras tarefas da organização. Visão estreita confinada, isolada e míope da própria atividade.

Significado da tarefa

Conhecimento amplo da repercussão do trabalho sobre os demais trabalhos da organização. Visão abrangente das consequências e das interdepências do trabalho

Trabalho específico, parcial e fragmentado, sem nenhum sentido psicológico para a pessoa, que se frustra e se aliena. Trabalho estranho

Identidade com a tarefa

Trabalho integral, conjunto e global, com significado para a pessoa e que lhe permite identificar-se com ele. O trabalho pertence à pessoa.

Nenhuma informação sobre o desempenho ou resultado do trabalho. Completa ignorância sobre a performance. Necessidade de avaliação externa e de incentivo para compensar.

Retroação Informação clara sobre o desempenho e resultado do trabalho. Perfeita e imediata noção da performance. Senso de auto- avaliação, autodireção e autocontrole. Auto- realização.

Simplificação dos cargos e futuro

 Os jovens recebem melhor educação e informação  Desejarão cargos significativos e desafiadores, consistentes

com seu padrão de formação e conhecimentos  Atitudes quanto à autoridade – menos propensão a aceitar

cegamente as ordens  Cargos cíclicos e rotineiros tachados como indesejáveis –

aumento de motivadores intrínsecos para captar e reter ocupantes

 Eras da informação e globalização da economia - Empregos industriais para os de serviços

 Tarefas mecânicas e musculares atribuídas a máquinas e equipamentos sofisticados - Tarefas mentais, intelectuais às pessoas

Enriquecimento do cargo  Ampliação do cargo  Aumento das responsabilidades  Aumento dos objetivos  Aumento dos desafios  Pode ser lateral ou horizontal (adição de novas

responsabilidades do mesmo nível – maior variedade de tarefas e operações) e também vertical (com adição de novas responsabilidades de nível gradativamente mais elevado – envolvimento com o planejamento, organização e inspeção)

Efeitos desejáveis e indesejáveis Efeitos desejáveis Efeitos indesejáveis Maior motivação Maior produtividade Menor absenteísmo Menor rotatividade

Enriquecimen to

do cargo

Maior ansiedade Maior conflito Menor relacionamento Sentimento de exploração

O que é um cargo?  Subproduto do modelo burocrático de

organização  Decorrência do método cartesiano e da

divisão do trabalho  Novos modelos organizacionais- novas formas

de olhar o cargo  Troca - departamentos por equipes

multifuncionais.  Explicação – flexibilidade, agilidade,

integração, coordenação e inovação.  Cargo tem prazo de validade!

Análise de Cargos

 Descrição = conteúdo ( o que o ocupante faz, como faz, quando faz, e por que faz) = ASPECTOS INTRÍNSECOS.

 Análise = estuda e determina todos os requisitos

qualificativos, responsabilidades e as condições exigidas – avaliados e classificados para efeito de comparação = ASPECTOS EXTRÍNSECOS

Fatores de especificações da análise do cargo Requisitos mentais

Requisitos físicos

Responsabilida des envolvidas

Condições de trabalho

Instrução essencial

Esforço físico necessário

Supervisão de pessoal

Ambiente de trabalho

Experiência anterior

Concentração visual

Material, ferramental ou equipamento

Riscos

Adaptabilidade ao cargo

Destreza ou habilidade

Dinheiro, títulos ou documentos

Iniciativa necessária

Compleição física necessária

Contatos internos e externos

Aptidões necessárias

Informação confidenciais

Método de descrição e análise dos cargos

 Responsabilidade de linha e de staf  Métodos mais utilizados: observação direta,

questionário, entrevista direta e métodos mistos.

Daysi Farias

Observação direta

Questionário Entrevista direta

Métodos mistos

Colheita sobre o cargo feita por observação visual Participação ativa do analista e passiva do ocupante Ideal para cargos simples Importante combinar com outros métodos

Colheita feita através de preenchimento de um questionário pelo ocupante ou superior Participação passiva do analista e ativa do ocupante Mais econômico Ideal para analisar cargos mis elevados Exige planejamento

Colheita feita através de uma entrevista entre o analista e ocupante Ambas participações são ativas Melhor qualidade Aplicado para qualquer cargo Reações negativas Perda de tempo custo elevado

Combinações de dois ou mais métodos

Fases da análise de cargos Fase do planejamento

Fase do preparo Fase de execução

Determinação dos cargos a serem descritos Elaboração do organograma de cargos Elaboração do cronograma de trabalho Escolha de métodos de análise a serem aplicados Seleção de fatores de especificações Critério da generalidade Critério da variedade ou discriminação Dimensionamento dos fatores de especificações

Recrutamento, seleção e treinamento Preparação do material de trabalho (formulários, impressos, materiais, etc) Preparação do ambiente Colheita de dados

Colheita de dados através dos métodos Triagem dos dados obtidos Redação provisória da análise do cargo pelo analista Apresentação da redação provisória o supervisor imediato para ratificação ou retificação Redação definitiva da análise de cargos Apresentação da redação final

Recompensa#Remuneração#Salário

Salário Parte fixa da remuneração

Pago em dinheiro Mensal

Remuneração

Recompensa

Salário + Remuneração variável (participação nos lucros e resultados, participação acionária) +

benefícios (assistência médica, vale-transporte, seguro de vida em grupo). Uma forma de

recompensa.

Elogio, promoções,

Classificação dos cargos Pontos Cargos de

carreiras Grupo ocupaciona l

Área de serviço

Categoria

1 – até 100 (pontos) II – de 101 a 200 (pontos) III – de 201 a 300 (pontos)

Encarreirame nto Escriturário 1 Escriturário II Escriturário III

Critérios ocupacionais Engenheiro civil Engenheiro eletricista Engenheiro químico

Área de atividade Gerente de finanças Tesoureiro Contador Subcontador Caixa

Gradação Secretária júnior Secretária português Secretária bilingue Secretária executiva

comentários (0)
Até o momento nenhum comentário
Seja o primeiro a comentar!
Esta é apenas uma pré-visualização
3 shown on 21 pages
baixar o documento